O meio-campista do Liverpool, Philippe Coutinho, enviou um pedido de transferência, horas após o clube da Premier League ter divulgado um comunicado dizendo que ele não está à venda.

Coutinho afirmou o desejo de sair via e-mail. O clube rejeitou o pedido.

Na quarta-feira, os Reds rejeitaram uma oferta de 100 milhões de euros (£ 90m) de Barcelona para o jogador de 25 anos, que está fora da viagem de sábado a Watford com ferimento.

Em um comunicado na sexta-feira, os proprietários do clube disseram que sua “posição definitiva” era que “nenhuma oferta será considerada”.

Falando em uma conferência de imprensa anterior que prevê a partida da liga na Vicarage Road (12:30 BST kick-off), o chefe do Liverpool, Jurgen Klopp, disse que o brasileiro perderia o início da temporada por causa de um problema nas costas.

Klopp disse que também foi uma dúvida para o play-off da Champions League na terça-feira em Hoffenheim, já que “não treinou desde sexta-feira passada”.

Coutinho, que marcou 14 golos em todas as competições na temporada passada, assinou um novo contrato de cinco anos em janeiro que não incluiu uma cláusula de lançamento. Ele juntou-se ao Liverpool do Inter de Milão por £ 8,5 milhões em 2013.

Barcelona também teve uma oferta rejeitada pelo atacante Ousmane Dembele, de 20 anos, do Borussia Dortmund, uma vez que venderam o atacante brasileiro Neymar para Paris St-Germain por um recorde mundial de £ 200m na ​​semana passada.

O clube alemão confirmou que conheci representantes do Barça, mas a oferta não cumpriu sua avaliação do internacional da França.

Como se revelou uma sexta-feira de sexta-feira

  • 10:00 BST – Os proprietários do Liverpool, Fenway Sports Group, afirmam que sua “posição definitiva” é que “nenhuma oferta para o Coutinho será considerada”.
  • 11:00 – Jurgen Klopp realiza sua conferência de imprensa pré-match e diz que Coutinho tem um problema nas costas e é provável que perca os próximos dois jogos. O alemão diz que o meio-campo não treinou completamente em uma semana.
  • 12:20 – Relata a superfície que Coutinho entregou no pedido de transferência. Sky Sports relata um membro da família dizendo: “Philippe tentou muito encontrar uma solução amigável para esta situação, mas sem sucesso”.
  • 12:30 – Liverpool denie relatórios que Coutinho pediu para sair.
  • 13:50 – Emerge Coutinho enviou por e-mail ao clube após o treinamento, afirmando o desejo de sair.

Análise

Simon Stone, da BBC Sport

Menos de três semanas antes do final da janela de transferência, o Liverpool agora se encontra em uma posição muito complicada. O clube é inflexível que não vai vender – mas e o jogador?

Como eu entendo, Coutinho não quer cair com Liverpool, nem com seus fãs, e estragar o que foi um agradável ano de quatro anos e meio em Anfield.

No entanto, a verdade brutal é que o Barcelona é atualmente um clube mais bem-sucedido.

Quase tão importante é o facto de eles, e o Real Madrid, terem uma atração para a maioria dos jogadores sul-americanos que são difíceis de resistir, como Liverpool experimentou com Luis Suarez.

Não há dúvida de que Coutinho está desesperado para fazer o movimento.

Ian Dennis da BBC Radio 5 em directo

A postura de Liverpool continua a ser a mesma, mas isso é significativo com uma mudança de atitude do jogador.

Anteriormente, parecia que Coutinho se contentava em adotar uma abordagem amigável. No entanto, seu pedido enviado por e-mail foi projetado para tentar e forçar o problema.

O clube é inflexível que nenhuma oferta será considerada, mas quais são as repercussões em relação ao relacionamento com Coutinho e os fãs agora?

O Liverpool está decidido, ele não está à venda e está em posição de força porque ele está sob contrato até 2022.

SEM COMENTÁRIOS